• Priscila Cavalcante - jornalista Napri Comunicação

O valor do treinamento para as empresas


Pesquisa realizada recentemente pela Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento (ABTD) mostra o panorama do treinamento no Brasil nos últimos anos. O aumento da capacitação para os funcionários passou de 16 horas em 2015, para 22 horas em 2016.

Seja reflexo da crise ou não, o fato é que os empresários brasileiros entenderam que o treinamento é, antes de tudo, um investimento para o seu negócio. Em um mercado tão competitivo, aliado a uma crise sem precedentes, as empresas só conseguem se manterem fortes e estáveis se investirem no autodesenvolvimento de seus funcionários e nos modelos de gestão estabelecidos.

O treinamento vai ajudar a empresa a identificar problemas e soluções e proporcionar o fortalecimento de habilidades técnicas e comportamentais dos colaboradores e gestores. Com a valorização dos seus funcionários, a empresa ganha em qualidade, produtividade e competitividade.

“O empresariado precisa compreender que o treinamento é uma prática estratégica, uma carta na manga em tempos de crise. A empresa ganha destaque, desenvolvem diferenciais que serão fundamentais para a sua permanência no mercado”, afirma a psicóloga Daniely Lorenzon.

#RH #GestãodePessoas #RecursosHumanos #Liderança #TreinamentoeDesenvolvimento

166 visualizações

FALE CONOSCO

(27) 3752-1696

Seg - Sext: 8:00 - 18:00

Eurico Salles, 200 | Centro

Nova Venécia - ES

Siga-nos nas redes sociais

  • Subjetiva no Facebook
  • Subjetiva no Linkedin
  • Subjetiva no Instagram

Envie-nos uma mensagem

Subjetiva Instituto de Psicologia
CNPJ: 27.255.811/0001-90
CRP16 PJ: 454